domingo, 10 de abril de 2011




.
...Sei das emoções que são minhas e
precisam vir até meu coração.
Queria poder dizer-te que eu
sempre soube de ti...
Que te acariciava em momentos
de solidão, suplicando por algo
que revelasse a tua existência
em algum lugar...

(Cida Luz)

3 comentários:

Rick Forrestal disse...

What a beauty. Sooo sexy.

Perfect lighting, a great photo.

Arnoldo Pimentel disse...

Muito lindo e profundo o poema,beijos.

Rosa Mattos disse...

oi, Andréa, tenho um presente pra você lá no meu blog. Uma coletânea com alguns contos meus, em formato pdf. Para ler/ou baixar, basta clicar na capa do livro que está na lateral direita do blog.

Boa semana/!! ♫ bj ♫